COMPARTILHAR
Edu Díaz é um dos mais promissores
Edu Díaz é um dos mais promissores "Stormers" do Americas Cardroom

O Americas Cardroom possui um extenso time de streamers de poker, que além da irreverência necessária para manter um canal na Twitch, também contam com muita habilidade no jogo. Uma boa parte deles é latina, e entre essas figuras, está o argentino Edu Díaz. Dono do canal “edudiaz17”, o “Stormer”, como são chamados os membros desse time, sonha alto no universo do poker.

VEJA MAIS: Tudo nosso! Yuri Martins segue no topo do online, com Volkmann em segundo

Natural de Córdoba, Díaz conheceu o poker em 2011, e nos anos seguintes, teve uma caminhada parecida com muitos iniciantes. O sucesso não veio rapidamente, e a frustração por consecutivas derrotas deixou-o desiludido. Foram anos indo e voltando, até que em 2016, o argentino decidiu voltar, e dessa vez, colocando foco total no jogo.

Os estudos começaram através de artigos na internet para aperfeiçoar o desempenho no cash game. A partir daí, Díaz começou a ver um sucesso nos limites baixos, mas estava decidido que não ia se contentar somente com aquilo. “Eu não gosto de me conformar. Eu tranquilamente poderia me manter onde estava, mas como sempre gostei dos MTTs, me propus a mudar para os torneios”, disse o argentino.

VEJA MAIS: Você foldaria? Ben Deach é colocado em spot complicado com QQ

O empenho de Díaz lhe fez cruzar os caminhos com Rodrigo Maseda, outro profissional argentino que tem uma escola de poker. Depois de entrar no curso, Díaz começou a trabalhar com Sit & Go. “Foi perfeito para minha rotina, porque podia fazer sessões de duas horas, ir ao trabalho e ficar um pouco com minha família, não eram necessárias aquelas sessões longas, de oito horas”, contou ele.

Edu Díaz, sua esposa e seus dois filhos
Edu Díaz, sua esposa e seus dois filhos

Após um ano e meio de aulas e preparos, em 2020, Díaz decidiu abandonar o emprego que tinha, tornando-se de fato um jogador profissional de poker. “Àquela altura, eu estava ganhando mais dinheiro com poker do que com meu emprego, então imagine ter que ir trabalhar, voltar para fazer uma sessão grande – porque precisava cumprir o acordo com a escola -, e ainda dedicar tempo para a família”, disse o argentino.

VEJA MAIS: Elson Borges deixa streamer em choque após call com 43s e river maldoso

Agora, com o apoio do Americas Cardroom, está mais que decidido: o futuro de Edu Díaz é no poker. Além do sucesso nas mesas, um futuro promissor aponta na Twitch também. No começo, só amigos assistiam ao argentino no site, mas com o tempo, ele começou a atrair mais espectadores. “Nunca imaginei que poderia conseguir patrocínios”, revelou o streamer.

A Twitch proporcionou a Díaz mais amizades e experiências. “Se vou a Buenos Aires hoje, tenho umas 20 casas para ir (risos). Todos me tratam muito bem. Conheci muita gente legal, e até no Panamá me oferecem lugar para ir. Devo tudo isso à Twitch”, falou.

VEJA MAIS: Está chegando a hora! The Venom de US$ 10 milhões garantidos começa nesta sexta

Para o futuro, Díaz espera continuar com a parceria do Americas Cardroom e seguir crescendo. Com mais sucesso, o argentino poderá se dedicar cada vez mais ao jogo e ao estúdio. “Mas, a finalidade de tudo isso, de ter me tornado jogador e ter colocado tanta paixão nisso, é porque amanhã eu vou poder dar um teto a toda a minha família”, declarou Díaz, emocionado.

E no fim da entrevista, o argentino falou sobre os seus maiores sonhos no poker, e mostrou que é ambicioso. “Quero estar no Main Event da WSOP, jogar o heads-up e vencer”, disparou Díaz. “Mas sei que, para isso, tenho que estudar muitíssimo. Mas gosto da ideia de não me conformar. Pode ser que eu nunca chegue lá, mas passarei minha vida tentando. A mensagem que quero passar é: se você se conforma, você ficará estagnado”.

Não tem conta no Americas CardroomClique aqui e abra a sua.

Confira o último episódio do Pokercast: