COMPARTILHAR

Muitas vezes, uma mão que parece simples pode se transformar em uma decisão difícil. Esse foi o caso do pote contado por Luciano Hollanda neste episódio do “Tá na mão”.

VEJA MAIS: Filme sobre a história de John Hesp na WSOP está confirmado, diz jornal inglês

Após completar uma sequência no river, o brasileiro apostou por valor, mas acabou recebendo o raise all in do adversário. Confira o raciocínio do jogador por trás do call.

A cobertura do SuperPoker na WSOP é patrocinada pelo Bodog e conta com o apoio do H2 Club e do BSOP. Clique aqui para abrir sua conta no Bodog

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.

Concordo com os termos de uso e privacidade do SuperPoker, que declara não repassar os dados a outras empresas.