COMPARTILHAR
Las Vegas voltou a receber grande público neste sábado (13). (Foto: Erik Verduzco/Las Vegas Review-Journal)
Las Vegas voltou a receber grande público neste sábado (13). (Foto: Erik Verduzco/Las Vegas Review-Journal)

O estado americano de Nevada, onde fica Las Vegas, deu mais um importante passo rumo à volta ao normal nessa segunda-feira (15). Como previamente anunciado, estabelecimentos como cassinos e restaurantes estão liberados a receber 50% da capacidade total.

VEJA MAIS: Exclusivo! Brunno Botteon abre o jogo sobre pausa na carreira: “Acabou a energia”

O plano de retomada gradual do público começou em fevereiro, quando as casas puderam aumentar o atendimento de 15% para 25% da capacidade. Após um significativo avanço na vacinação contra a Covid-19 no estado, bem como uma queda no número de casos e mortes, a etapa seguinte do planejamento pôde ser cumprida.

No último domingo (14), Nevada atingiu 20% da população vacinada, sendo 11% já imunizado com duas doses. Após dias com até 75 mortes registradas, como foi em 20 de janeiro, a média móvel de óbitos dos últimos sete dias no estado está em 12. Duas mortes foram contabilizadas na segunda-feira. Os dados são do The New York Times e Our World in Data.

VEJA MAIS: Streamer vai à loucura com broca, mas é castigado no river

A novidade chegou com um ar de positividade para os trabalhadores e empresários de Las Vegas. Além de atrair cada vez mais turistas, setor fundamental na economia da região, a flexibilização também possibilita a criação de mais empregos, uma vez que hotéis estão permitidos a abrirem seus espaços de alimentação. “Nós estamos animados por trazer nossos empregados de volta ao trabalho”, disse Michael Kennedy, Diretor do restaurante do Hotel Southpoint, à emissora ABC. “É uma grande vantagem quando você vai reservar um hotel e vê que ele está trabalhando normal, inclusive com opções de jantar”, completou.

Dois dias antes do novo avanço, a Cidade do Pecado recebeu um grande público, cada vez mais parecendo com a realidade pré-pandemia. Relatos de jornalistas da área dizem que, se não fossem as máscaras e o distanciamento dentro dos estabelecimentos, as imagens de Las Vegas no sábado (13) poderiam ser de antes de 2020.

Turistas assistiram ao show das fontes do Bellagio nesse sábado (13)
Turistas assistiram ao show das fontes do Bellagio nesse sábado (13). (Foto: Erik Verduzco/Las Vegas Review-Journal)

Por mais que os cassinos possam chegar mais perto do faturamento de tempos “normais”, algumas casas não aguentaram tanto tempo de paralisação e restrições. O estado de Nevada registrou uma queda nos números de mesas de poker no início de 2021, comparado a janeiro do ano anterior.

VEJA MAIS: Russo folda QQ pré-flop e comemora muito no showdown; você pagaria?

Porém, grandes casas como o Mandalay Bay, Park MGM e Mirage, administradas pelo grupo MGM, já estão operando 24 horas por dia. A partir do dia 1º de maio, de acordo com o Governador de Nevada, Steve Sisolak, as restrições ficarão por conta dos governos locais.

Confira o último episódio do Pokercast:

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.

    Você concorda com os termos de uso do SuperPoker, que utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação e armazena os seus dados acima solicitados sem finalidade comercial apenas para comunicação direta com você e acesso aos serviços do SuperPoker. Você pode solicitar a remoção dos seus dados pessoais do SuperPoker a qualquer momento.