COMPARTILHAR
Alisson Piekazewicz campeão do 1-Day High Roller do BSOP Millions
Alisson Piekazewicz campeão do 1-Day High Roller do BSOP Millions

Logo na primeira decisão de buy-in elevado do BSOP Millions, a competição já mostrou os motivos que fazem do evento ser tão aguardado por todos. A mesa final do 1-Day High Roller foi uma verdadeira constelação de craques que contou com nomes como Luiz Duarte, Geraldo César, Roberly Felício, Alisson Piekazewicz, o argentino Damian Salas, dentro outros.

Apesar do elevado nível técnico e da grande premiação envolvida, a decisão acabou durando apenas três horas e o grande campeão foi o paranaense Alisson Piekazewicz. Pelo resultado, o jogador conquistou o prêmio de R$ 206.371, após um acordo no heads-up. “Não tem como começar melhor. Se eu pudesse escolher como queria iniciar o BSOP Millions, seria vencendo este torneio, então é maravilhoso! É gratificante demais saber que o tempo que você passa estudando tem a sua recompensa”, comemorou o campeão.

Mesa final do 1-Day High Roller do BSOP Millions
Mesa final do 1-Day High Roller do BSOP Millions

Mesmo a competição lhe rendendo um belo prêmio de seis dígitos, o valor é apenas a terceira maior forra do paranaense na carreira. Alisson vem acumulando boas performances nas últimas edições do BSOP Millions, em 2017, o jogador foi o grande campeão do Super High Roller, além de já ter sido eliminado na reta final de dois LAPT’s. “O Millions vem me dando boas recordações, acabei bolhando duas vezes a mesa final do LAPT, em 2015 e 2016, ano passado veio o título no Super High Roller e este ano já comecei da melhor forma possível”, lembrou o campeão.

O heads-up do 1-Day High Roller foi formado entre a velha rivalidade Brasil e Argentina. Representando os “hermanos” estava nada menos que Damian Salas, mesa finalista do evento principal da série mundial em 2017. Além de muito experiente e com um currículo invejável, o argentino ainda possuía uma ligeira vantagem para o brasileiro.

VEJA MAIS: Carlos Buono supera Luxemburgo e é campeão do Desafio das Estrelas do BSOP Millions

Mesmo com a desvantagem em fichas, Alisson acabou tomando a iniciativa do confronto mostrando muita agressividade e logo conseguiu assumir a liderança e abriu ampla vantagem. Mantendo a mesma estratégia, o brasileiro rapidamente definiu o confronto. “Estudo bastante heads-up, é uma das fases que eu mais gosto, pois é o momento mais puro de jogar poker, se assim posso dizer, com ranges mais amplos e mais noção do âmbito geral”, contou o jogador que concluiu. “Óbvio que também teve a runnada, em que acertei bastante coisa e quando blefei acabou passando”.

Nos blinds 25.000/50.000, com big blind ante de 50.000, Alisson foi all in possuindo mais fichas e tomou instacall de Salas. No showdown, o chip leader mostrou A8 contra 99. Logo na tampa apareceu um A, seguido por um K e um T, o turn foi um J e o river foi outro K, decretando a vitória do brasileiro. Pelo vice-campeonato, o argentino recebeu R$ 168.849.

Confira a classificação da mesa final:

1º – Alisson Piekazewicz – R$ 206.371*

2º – Damian Salas (Argentina) – R$ 168.849*

3º – Luiz Duarte – R$ 104.070

4º – Enio Bozzano – R$ 84.860

5º – Roberly Felício – R$ 67.660

6º – Rogério Pereira – R$ 51.990

7º – Geraldo César – R$ 37.830

8º – Lothar Richard – R$ 27.410

O SuperPoker realizará seis transmissões ao vivo no BSOP Millions. Fique ligado às datas para não perder a festa com a melhor equipe de transmissão do Brasil, formada por Vitão, Vini Marques, Fábio “Deu Zebra” Monteiro e Gabriel Otranto.

Confira o cronograma das transmissões

29/11 – 14h – Super High Rollers – Dia 2
30/11 – 14h – Super High Rollers – Dia Final
01/12 – 18h – Desafio dos Youtubers
05/12 – 14h – Main Event – Dia 4
06/12 – 14h – Main Event – Dia Final

Abra a sua conta no maior site de poker do mundo clicando aqui.

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.

Concordo com os termos de uso e privacidade do SuperPoker, que declara não repassar os dados a outras empresas.