COMPARTILHAR
Timur Margolin campeão do Evento #43 da WSOP
Timur Margolin campeão do Evento #43 da WSOP

Uma das mãos mais curiosas na reta final do Evento #43 foi protagonizada pelo israelense Timur Margolin. O jogador conseguiu prever exatamente as duas cartas que bateriam turn e river para que ele pudesse continuar na disputa, já na mesa final do torneio.

Após o momento “Mãe Dinah”, em que acabou dobrando em cima do craque Chris Ferguson, Margolin arrancou para vencer o torneio, conquistar o primeiro bracelete e o prêmio de US$ 507.724, o maior resultado da carreira, segundo o site HendonMob.

O principal personagem desta grande decisão era Ferguson. O americano possuía boa vantagem para os demais concorrentes e era a grande chance de alcançar o sétimo título na série. Repetindo o desempenho no Evento #31 (US$ 1.500 Seven Card Stud), o jogador encerrou a participação na quarta colocação levando US$ 161.371 e se aproximou dos US$ 6,4 milhões em premiações apenas nos eventos da WSOP. Na carreira, são mais de US$ 9 milhões.

VEJA MAIS: Após o título do High Roller de Omaha, Shaun Deeb assume a liderança do ranking de Jogador do Ano da WSOP

O algoz de “Jesus”, como é conhecido no mundo do poker, foi exatamente o campeão. Com o board mostrando 78A, com duas cartas de espadas, os jogadores se envolveram em all in com o israelense possuindo mais fichas. No showdown, Margolin mostrou AQ contra K2s de Ferguson, que estava no flush draw. Um 2 no turn e um 5 no river, não mudaram a situação, eliminando o americano.

Restando apenas três jogadores, o israelense possuía mais da metade das fichas em jogo e a vantagem só aumentou depois que eliminou o terceiro colocado, o americano Michael Marder. Margolin iniciou o heads-up com uma vantagem de três para um.

Mas o adversário era o experiente jogador alemão Ismael Bojang, que mesmo tendo uma grande desvantagem, conseguiu igualar o confronto e até mesmo virar, colocando uma vantagem de dois para um.

Mas a noite era mesmo do israelense, que conseguiu reverter o cenário adversário em duas mãos, reassumiu a liderança e confirmou o título. No Dia Final, o jogador eliminou quatro dos cinco concorrentes. Com a segunda colocação, Bojang conquistou o prêmio de US$ 313.444

Confira a classificação do dia final:

1º – Timur Margolin (Israel) – US$ 507.274

2º – Ismael Bojang (Alemanha) – US$ 313.444

3º – Michael Marder (Estados Unidos) $ 223.564

4º – Chris Ferguson (Estados Unidos) – US$ 161.371

5º – Dylan Linde (Estados Unidos) – US$ 117.894

6º – Ryan Laplante (Estados Unidos) – US$ 87.189

A cobertura do SuperPoker na WSOP é patrocinada pelo Bodog e conta com o apoio do H2 Club e do BSOP. Clique aqui para abrir sua conta no Bodog.