COMPARTILHAR
Ariel Bahia - PokerStars Players Championship
Ariel Bahia - PokerStars Players Championship

O PokerStars Players Championship contou diversas histórias curiosas de recreativos que conquistaram o cobiçado Platinum Pass, o pacote de US$ 30 mil para disputar o torneio. Uma das histórias que mais chamaram atenção foi da canadense Jennifer Carter, que conquistou o prêmio por meio de um freeroll no PokerStars.

Em entrevista ao site, a recreativa, que na época do torneio estava desempregada, contou que iniciou o torneio de forma despretensiosa cuidando das suas filhas e fazendo tricô. Mesmo após chegar a mesa final, o pacote parecia algo muito distante.

Jennifer Carter - PokerStars Players Championship
Jennifer Carter – PokerStars Players Championship

Com o prêmio conquistado, a canadense disse em entrevista ao PokerStars que mesmo jogando o evento de US$ 25 mil não iria abrir mão de fazer outra atividade que tanto ama, o tricô. De fato, quando a transmissão iniciou, por diversas vezes a canadense foi flagrada tricotando entre uma mão e outra.

Quando foi eliminada, no início do segundo dia de torneio, ela entregou um coração ao seu algoz e disse que era para ele ir repassando caso fosse eliminado. Com isso, se teve início uma curiosa corrente no PokerStars Players Championship.

VEJA MAIS: Alexandre Mantovani é o bolha da mesa final do US$ 5.300 do PCA

A corrente quase teve um fim quando Ariel Bahia eliminou o jogador que estava com o coração, o brasileiro acabou recusando a peça. Quando todos acharam que a história teria um fim, o americano Upeshka de Silva pediu o tricô.

O SuperPoker não conseguiu entrar em contato com o craque brasileiro, mas o caso é que o americano foi eliminado instantes depois e Ariel segue na disputa com o torneio tendo apenas 50 sobreviventes.

Você acha que o brasileiro fez bem em recusar o coração?

Abra sua conta no maior site de poker do mundo clicando aqui.