COMPARTILHAR
Benjamin Pollak
Benjamin Pollak

Uma das vantagens de uma transmissão de poker com cartas reveladas é poder acompanhar como vários grandes nomes do mundo do poker pensam. Por outro lado, quando um jogador toma uma decisão mais polêmica, como o hero fold de Benjamin Pollak, seu raciocínio é questionado.

O francês acabou largando uma trinca de K no Main Event da WSOP, chocando as redes sociais do mundo do poker, com muitos não entendendo como Pollak conseguiu desistir da mão. A ação começou com o jogador Ryan Phan abrindo do UTG com AJ. Bart Lybaert pagou do hijack com TT, assim como Pollak, que tinha K8 no big blind.

O flop trouxe KKA, com duas de paus, e ação rodou em check até Lybaert, que apostou e recebeu call dos dois oponentes. Um 2 de espadas apareceu no turn e todos os jogadores deram check. Porém, foi no river, um 6 de espadas, que começou a confusão.

VEJA MAIS: Paulo Gonçalves se envolve em pote 3-way dominando oponentes, mas river judia no Main Event da WSOP

Pollak liderou, apostando 425.000 em um pote que tinha 1.850.000. Phan decidiu dar raise para 1.500.000, e Lybaert largou sua mão instantaneamente. Com trinca de K, kicker 8, e sem chance de flush no board, Pollak pensou por alguns minutos, “entrevistou” o adversário, mas acabou largando a mão.

No mesmo momento, as redes sociais começaram a receber diversos comentários sobre o fold do francês. Ben Lamb, por exemplo, defendeu a jogada. “Não tenho certeza se isso foi um blefe, mas não culpo Pollak por foldar, eu ficaria chocado por Phan transformar um A em blefe, especialmente nesse tamanho de aposta.”

Mesmo com o fold polêmico e as muitas críticas à jogada, é inegável que Pollak sabe muito de poker. Terceiro colocado do Main Event no ano passado, ele já está em outra reta final no principal torneio de poker do mundo.

A cobertura do SuperPoker na WSOP é patrocinada pelo Bodog e conta com o apoio do H2 Club e do BSOP. Clique aqui para abrir sua conta no Bodog.