COMPARTILHAR
Daniel Negreanu e Robert Campbell
Daniel Negreanu e Robert Campbell

Daniel Negreanu chegou a celebrar, gravar um vlog comemorativo e receber os parabéns da comunidade do poker, mas não levará o prêmio de Jogador do Ano da WSOP 2019. Isso porque, em uma gafe que entrará para a história, houve um erro na contagem de pontos do canadense.

Entre os 4.074,88 pontos que teriam sido conquistados pelo “Kid Poker”, estão inclusos 213,1 pontos pelo 36º lugar no Evento #68 ($1,000 WSOP.com ONLINE No-Limit Hold’em Championship). O problema: Negreanu sequer ficou entre os premiados no torneio.

VEJA MAIS: Campeão de WCOOP dá fold inexplicável em bolha de mesa final no PokerStars; assista

A 36ª colocação nesse torneio foi, na verdade, de Max Silver.  A informação é apontada na própria cobertura mão a mão da WSOP e na plataforma TheHendonMob. Sem os pontos contados erroneamente, Negreanu cai para a terceira colocação no ranking Jogador do Ano. Assim, o título passa a ser de Robert Campbell, com 3.961,31 pontos, enquanto Shaun Deeb ficou em segundo com 3.917,32.

A informação surgiu primeiro no fórum 2+2, com um usuário postando o erro na contagem e mostrando que Negreanu, em seu vlog diário, tinha até falado sobre cair fora do ITM no Evento #68. O assunto rapidamente chegou ao Twitter e, apesar de a WSOP não ter feito nenhum comunicado oficial até a publicação desta matéria, o próprio canadense já entregou os pontos.

“Parabéns parceiro!”, escreveu Negreanu para Campbell. “Há boas notícias vindo no seu caminho. Foi merecido, campeão”. Instantaneamente, o mundo do poker entrou em polvorosa nas redes sociais. DJ MacKinnon, por exemplo, escreveu: “O Jogador do Ano da WSOP mudar após um erro da WSOP ser descoberto é de certa forma inacreditável e sequer chocante ao mesmo tempo”.

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.

Concordo com os termos de uso e privacidade do SuperPoker, que declara não repassar os dados a outras empresas.