COMPARTILHAR
Cacho Korn e
Cacho Korn e "hincha" argentina

O final de semana trouxe uma boa notícia para o poker o sul-americano. O jogador Andrés Korn, conhecido por todos como “Cacho”, conseguiu o segundo bracelete da história da Argentina ao despachar 623 adversários no Evento #56, o US$ 5.000 NLH. Antes dele, só o craque Ivan Lucá tinha conseguido tal façanha, no ano de 2015.

Korn também conseguiu uma forra incrível de US$ 618.285, mas na hora de comemorar deixou o dinheiro de lado e vibrou pela conquista. ““A pulseira pesa muito mais”, disse. “Eu nem estava olhando para os pay jumps, estava focado no bracelete. Para nós que jogamos poker, esta é a glória e você não tem muitas chances de ganhar um”, completou o novo campeão.

O bracelete de Korn foi o segundo de países sul-americanos só nesta edição da World Series of Poker. Poucos dias atrás o venezuelano Joseph Di Rosa Rojas entrou para a história do próprio ao faturar a pulseira dourada do Evento #23, o The Maraton. Para ter ideia do feito dessa dupla, a conquista de Cacho foi apenas o sétimo bracelete de países sul-americanos na história da WSOP.

Relembre todos em ordem cronológica:

Braceletes Sul-Americanos

BRASIL: Alexandre Gomes – 2008 – Evento #48 ($2.000 NLH) – US$ 770.540

BRASIL: André Akkari – 2011 – Evento #43 ($1.500 NLH) – US$ 675.117

ARGENTINA: Ivan Lucá – 2015 – Evento #30 ($ 1.000 NLH) – US$ 353.391

BRASIL: Thiago Decano – 2015 – Evento #38 ($ 3.000 NLH) – US$ 546.843

URUGUAI: Alex Komaromi – 2015 – Evento #5 (€ 2.200 Mixed Event – WSOP Europe) – € 65.740

VENEZUELA: Joseph Rojas – 2017 – Evento #23 ($ 2.620 The Marathon) – US$ 690.469

ARGENTINA: Andres Korn – 2017 – Evento #56 ($ 5.000 NLH) – US$ 618.285

O Bodog é o patrocinador oficial da cobertura do SuperPoker na World Series of Poker 2017

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.

Concordo com os termos de uso e privacidade do SuperPoker, que declara não repassar os dados a outras empresas.