COMPARTILHAR
Royal Flush

Uma decisão inexplicável segurando um Royal Flush gerou muitos comentários na comunidade do poker no Twitter. Um vídeo da mão foi postado na rede social pela profissional Sasha Liu, que escreveu “Mesa final de um MTT de buy-in pequeno e eu não consigo encontrar uma boa explicação para essa jogada, você consegue?”

No vídeo, é possível ver um jogador entrando de limp de 10.000 do cutoff, enquanto o small blind folda e o big blind apenas dá check. O flop KQ4 rainbow, e ambos deram check. O turn foi um A de ouros, colocando um flush draw do naipe no board, e novamente ninguém apostou.

VEJA MAIS: Mega Satélite supera garantido e distribui 20 pacotes para o BSOP Brasília

O river foi uma Q de ouros, e pela terceira vez ambos deram check. A estranheza começou no showdown, com o big blind mostrando 94 de copas enquanto o cutoff mostrou TJ de ouros para um Royal Flush. Mesmo tendo completado uma sequência no turn e acertado o jogo mais forte do poker no river, o jogador optou por não apostar. Assista.

Nos comentários, surgiram várias teorias sobre o que pode ter acontecido. “Fez a armadilha até o river, depois queria que todos vissem que ele fez um Royal”, opinou um seguidor. “Ele provavelmente valorizou mais o reconhecimentos dos outros do que o valor das fichas que poderia ganhar. Especialmente quando as fichas se traduzem em pouco dinheiro, já que é um MTT de buy-in baixo.”

“Misclick ou loucura. Não consigo pensar em nenhuma aplicação funcional para chamar isso de trapaça”, escreveu a jogadora Kat Arnsby. Liu, que postou o vídeo, também acrescentou que nenhum dos jogadores tinha ficado sem tempo para agir e que nenhuma ação ocorreu de forma instantânea, o que poderia indicar uma opção “auto check” marcada.

Para você, o que ocorrreu para explicar a decisão do jogador?

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.

Concordo com os termos de uso e privacidade do SuperPoker, que declara não repassar os dados a outras empresas.