Diogo Lima vence o Last Chance do NPS Grand Final e salva a reta no último torneio do evento

Diogo Lima vence o Last Chance do NPS Grand Final e salva a reta no último torneio do evento

O Nordeste Poker Series, maior circuito de poker da região, é patrocinado pelo 888poker

A ideia de um torneio Last Chance, normalmente o último da grade de um evento de poker, é dar àqueles que já tiveram a forra uma oportunidade de aumentar o lucro e àqueles que não tiveram um bom evento a chance de salvar o investimento da reta de torneios. 

O heads-up do Last Chance do Nordeste Poker Series (NPS) contou com as duas situações. De um lado, Pedro Felipe, que havia acabado de ganhar o Main Event e buscava o segundo troféu. No outro lado da mesa, Diogo Lima, que fazia sua terceira mesa final no evento e já havia garantido seu único troféu. 

Melhor para Diogo, que ficou com o prêmio principal de R$ 7 mil e terminou o evento no lucro. "Tá louco, é um sonho, consegui livrar a reta no último torneio", comemorou. Eu já estava aqui desistindo, pensando 'vou, não vou', mas eu tinha que ficar por aqui e acabei engatando no torneio, aí consegui fazer uma frentezinha aqui para gente. A semana foi muito feliz aqui para mim, fiz três mesas finais, um troféu, está bom demais, não tenho do que reclamar não."

                                                  Eduardo Holanda, Diogo Lima e Pedro Felipe

Para Pedro, restou uma forra adicional de R$ 4.500, enquanto o terceiro colocado, Eduardo Holanda, embolsou R$ 4.250. Oderlândio Moura, campeão do WSOP Brazil, ficou com o quarto lugar e R$ 2.300. Diogo celebrou a vitória e a ajuda do baralho contra uma mesa final complicada. "Eles são muito bom mesmo, mas é um torneio turbo, ganhei as que fui pro chão, perdi as que podia, ganhei as que precisava e deu certo", explicou o campeão. "O heads-up cheguei com uma vantagem muito grande em fichas. Acho que a mão mesmo que me deu a cravada foi quando o Oderlândio caiu em quarto, estava eu e ele grande em fichas, ele shovou de 99 e eu acordei no big com JJ, aí que eu eu fiquei chip leader e facilitou."

Além de jogador, Diogo também foi o responsável por desenvolver o sistema de inscrições do evento, o que ajudou a aumentar seu volume de jogo e, consequentemente, os resultados. Para o ano que vem, ele contou que tentará jogar todas as etapas e sonha em brigar pelo ranking. "Venho aqui para ajudar o pessoal e acabo engatando mais, tive um saldo muito positivo esse ano graças a isso também", contou. "Para o próximo ano a expectativa é boa, vou engatar nas etapas fora se puder, porque trabalho durante a semana, mas vou negociar lá com o patrão e se der certo vamos tentar jogar todos os eventos."

20h H2 CLUB
blinds: 40m
stack: 20000
insc.: 150,00
20h30 ESPAÇO ZAHLE
blinds: 35m
stack: 20000
insc.: 200,00
16h30 ESPAÇO ZAHLE
blinds: 2m
stack: 13000
insc.: 30,00
20h30 STARSCLUB ITAIM
blinds: 25m
stack: 15000
insc.: 150,00
19h30 ARENA SOCIAL POKER CLUB
blinds: 25m
stack: 8000
insc.: 30,00
16h NUTS HOLD'EM CLUB
blinds: 20m
stack: 10000
insc.: 20,00
21h NUTS HOLD'EM CLUB
blinds: 25m
stack: 15000
insc.: 20,00
// Vídeos em destaque
» Veja mais vídeos no SuperPoker
// Clubes do Brasil

INÍCIO | CONTATO | ANUNCIE
É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo deste portal de conteúdo (superpoker.com.br) - textos, imagens e vídeos - sem prévia autorização dos responsáveis. Para solicitar autorização, fale conosco pelo e-email contato@gruposuperpoker.com.br.