COMPARTILHAR

O patrocinador oficial da WSOP 2016 também é o patrocinador oficial da cobertura do Superpoker no maior evento de poker do mundo. Acesse o site, abra sua conta e ganhe o bônus de boas vindas.

O sueco Peter Eichhardt foi o grande vencedor do Evento 6 (US$ 1.500 NLH) da World Series of Poker (WSOP) 2016. Ao deixar 2.015 concorrentes comendo poeira, ele faturou a bagatela de US$ 438.417.

Aos 50 anos, Peter, que além de poker pro é escritor de ficção, estima já ter feito a longa rota Estocolmo-Las Vegas mais de 40 vezes para jogar torneios na Cidade do Pecado. “Esta é a minha primeira em uma mesa final de WSOP, é fantástico vencer”, destacou.

“Não temos muitos vencedores de braceletes na Suécia. Chris Bjorin tem dois. E, claro, há o Martin Jacobson (campeão do Main Event em 2014). Mas não é algo comum, então é bastante especial para nós”, completou o campeão.  

Na caminhada pela mesa final, Peter enfrentou feras como o argentino Richard Dubini, nono colocado, o brasileiro Bruno Borges, que acabou em sexto, e os norte-americanos Anthony Zinno (oitavo) e John Racener (quarto).

No heads up, contra o também norte-americano Davis Aalvik, Peter abriu vantagem de 4 para 1 antes de encerrar definitivamente o confronto. Na mão decisiva, ele foi all in com KJ de copas e levou call do rival, que apresentou K de ouros e 9 de paus. O flop trouxe A32, todas de copas, e selou a vitória de Peter.  

Confira abaixo a classificação final:

1 – Peter Eichhardt (Suécia) – US$ 438.417

2 – Davis Aalvik (EUA) – US$ 270.842

3 – Michael Addamo (Austrália) – US$ 196.202

4 – John Racener (EUA) – US$ 143.563

5 – Tim Farrelly (Irlanda) – US$ 106.115

6 – Bruno Borges (Brasil) – US$ 79.241

7 – Raymond Phu (EUA) – US$ 59.787

8 – Anthony Zinno (EUA) – US$ 45.582

9 – Richard Dubini (Argentina) – US$ 35.121

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.

Concordo com os termos de uso e privacidade do SuperPoker, que declara não repassar os dados a outras empresas.