COMPARTILHAR
PokerStars - EPT Monte Carlo

O segundo dia do EPT Monte Carlo segue o mesmo ritmo da estreia, com os jogadores se envolvendo em grandes potes. Dessa vez, o paradão aconteceu no Dia 1A do National.

Nos blinds 400/800, com big blind antes de 800, a mão começou de forma despretensiosa, com três jogadores entrando de limp. O flop foi A43, sendo duas de espadas.

Após Ami Bares apostar e Benjamin Dunac aumentar a aposta, Christophe Di Ciceli 3-betou para 27.000 fichas. A ação retornou para o agressor inicial, que foi all in e recebeu instacall dos demais adversários.

VEJA MAIS: Nick Pupillo encontra dois coolers favoráveis na reta final no EPT Monte Carlo

No showdown, Di Miceli, que possuía o stack maior, mostrou 33, contra 44 de Barer e 65s em espadas de Dunac, o menor stack entre os envolvidos. O turn trouxe um 8, não mudando a situação, mas um 2 no river completou a sequência do short que triplicou o stack e saltou para 182.000 fichas.

Barer puxou o pote secundário, que cotinha 106.800 fichas. Já para Di Miceli, restou o troco do ônibus, cerca de 15.000 fichas.

O National do EPT Monte Carlo tem uma estrutura com três dias de duração. O Dia 1B e C serão realizados amanhã e os jogadores retornam para a disputa no domingo (28).

Abra a sua conta no maior site de poker do mundo clicando aqui.

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.