COMPARTILHAR

 

O Dia 2 do LAPT Panamá começou com 172 jogadores na disputa do cobiçado troféu da série, mas apenas 32 sobreviventes voltam para as mesas do Sortis Hotel, Spa e Casino para o Dia 3 do torneio. O curitibano Janir Muller é o único representante do Brasil.

Janir começou o Dia 2 entre os líderes, mas perdeu fichas ao longo dos 10 níveis de blinds e terminou ensacando 203.000 fichas, cerca de 20 big blinds. O brasiliense Gustavo Lopes foi eliminado na 34ª colocação (US$3.400) e Manoel Assunção despediu-se em 58º lugar (US$2.680).

O colombiano Anderson Blanco puxa a fila do Dia 3 com 896.800 fichas, seguido de perto pelo americano Aaron Mermelstein (836.000), bicampeão em eventos do WPT. Atual Jogador do Ano do LAPT, o chileno Oscar Alache (184.000) é outro grande nome classificado.

O Main Event do LAPT Panamá registrou 553 entradas, segunda melhor marca da história da etapa, e contou com 18 brasileiros em ação. A Colômbia liderou a lista com 91 jogadores inscritos.

O Dia 3 começou neste domingo, às 14h, com blinds em 5.000 / 10.000 e antes de 1.000. Você pode acompanhar as atualizações por aqui. O resumo do dia você acompanha aqui no SuperPoker, amanhã. 

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.

Concordo com os termos de uso e privacidade do SuperPoker, que declara não repassar os dados a outras empresas.