COMPARTILHAR
Joe Cada
Joe Cada

A WSOP teve diversos destaques individuais ao logo dos 78 eventos realizados, mas na reta final da série mundial nenhum jogador se destacou mais que o americano Joe Cada.

O profissional ficou muito próximo de alcançar o bicampeonato do Main Event da WSOP, mas acabou eliminado na quinta colocação. Dois dias depois de se despedir do torneio mais importante do ano, Cada venceu o Evento #75 (US$ 1.500 The Closer) e conquistou o quarto bracelete da carreira, o segundo na série mundial em 2018.

VEJA MAIS: Há quase cinco anos, Gabriel Goffi puxava pote de US$ 35 mil contra Isildur1; relembre

Com esses dois grandes resultados, o americano foi eleito o jogador do mês pelo Global Poker Index, um dos rankings mais conceituados no mundo do poker, tendo somado 1.076.37 pontos. O americano foi seguido de perto pelos compatriotas Anthony Zinno e Benjamin Yu, que somaram 1.042.68 e 1.013,90 pontos, respectivamente.

Vale lembra que em fevereiro, o craque João Simão foi o primeiro brasileiro eleito o jogador do mês no mesmo ranking.  Na oportunidade, o mineiro somou 1.452,97 pontos, tendo seis resultados no mês, sendo cinco mesas finais e dois vice-campeonatos.

Confira o top 10 do mês de julho:

1º – Joe Cada (Estados Unidos) – 1.076.37

2º – Anthony Zinno (Estados Unidos) – 1.042,68

3º – Benjamin Yu (Estados Unidos) – 1.013,90

4º – Paul Volpe (Estados Unidos) – 990.35

5º – Jake Schindler (Estados Unidos) – 984,69

6º – Barry Hutter (Estados Unidos) – 982,55

7º – Romain Lewis (França) – 959,01

8º – Shaun Deeb (Estados Unidos) – 911,17

9º – Men Nguyen (Estados Unidos) – 889.74

10º – Brian Hastings (Estados Unidos) – 884,90