COMPARTILHAR
Kelvin Kerber
Kelvin Kerber

Kelvin Kerber não poderia ter pedido um início melhor em uma das épocas mais importantes para os profissionais do poker online. Logo no primeiro dia de disputas da KO Series do partypoker, o craque do Samba Team venceu o Evento #03 High Roller (US$ 5.200 NLH 8-Max) e levou US$ 185.169.

Um dos principais jogadores do país, Kelvin ultrapassou a marca de US$ 3,8 milhões em prêmios online, segundo o PocketFives. Com o título logo no início de duas semanas de muito poker nos feltros virtuais, com milhões de dólares a serem disputado, o profissional também ganhou a tranquilidade de começar o período “pra frente”.

VEJA MAIS: John Juanda folda quadra em board complicado na Triton SHR Montenegro; assista

Na mesa final, mostrando a força do poker brasileiro, Kelvin teve a companhia de Bruno Volkmann, Pedro Madeira e Felipe Salgado. Fabiano Kovalski quase participou da festa verde e amarela na FT, mas foi eliminado na 13ª colocação. Em entrevista ao SuperPoker, Kelvin falou sobre a conquista, a força do poker brasileiro e muito mais. Confira.

Em uma época tão importante para os profissionais online, o quanto influencia no psicológico conseguir uma forra dessas logo no início?
Ganhar logo no começo é uma questão mais psicológica, claro. Pode acabar mudando um pouco a minha reta, talvez adicione uns dois torneios de $5K que eu não jogaria. Ou se eu chegasse no fim da série muito mal, talvez cortasse algum torneio de $2K. Então é uma mudança sutil, mas muda um pouco a confiança, faz um pouco de diferença, com certeza. A gente se sente meio “premiado”, por mais que saibamos que um torneio é muita variância, é como uma validação de um trabalho bem feito, então é mais um fator psicológico do que qualquer outra coisa.

Uma série inteira só de torneios PKO, o que você achou da ideia?
É a modalidade mais querida pelos jogadores, então parece razoável fazer uma série só de torneios Knockouts. A maior parte da grade dos sites, pelo menos os grandes torneios, já são Knockouts, então nada de muita novidade.

Que dica você pode dar para as pessoas se adaptarem a esse formato de jogo?
Talvez eu tenha um pouco de dificuldade de simplificar, mas basicamente a gente tem recompensar ao eliminar jogadores. Então temos que correr mais riscos para buscar essas recompensas. Não tem muito para onde correr, o jogo acaba tendo mais variância mesmo, é correr mais riscos.

VEJA MAIS: Vinicius Scarpini é terceiro colocado no Evento #10 High da KO Series do partypoker

Como foi sua trajetória no torneio?
Acho que demorei um pouco até dar uma engrenada, na parte do mid game já fiquei razoavelmente grande. Teve uma mão na qual eliminei três jogadores, entre eles o Hélio [Neves], com 98s, ali foi a hora em que cresci e ganhei três bounties. Foi o momento chave em que eu fiquei grande e continuei assim até o fim. Até comentei com meus amigos que foi um torneio “fácil”, meio que se jogou sozinho, as coisas aconteceram de uma maneira bem natural, e quando é assim fica mais fácil de ganhar. Não tive decisões muito difíceis.

Outros três brasileiros, Bruno Volkmann, Pedro Madeira e Felipe Salgado, fizeram a mesa final. Como você vê a força do Brasil no cenário mundial do poker online hoje?
A força do Brasil está aí, somos o país que mais ganha títulos no que diz respeito aos fields grandes. Só nos fields mais caros que a nossa representatividade ainda não é tão grande assim, mas é algo que está aumentando. É um processo que demora mais mesmo, porque os brasileiros estão ficando bons há pouco tempo, então é difícil ter grandes resultados se nem estamos acostumados a jogar esses torneios com tanta frequência quanto os demais países.

Qual o maior desafio para os grinders nessas épocas de séries online?
O maior desafio é fazer uma boa table selection, se manter focado o tempo todo, jogando o A-Game o tempo todo, com uma rotina de exercícios, que acaba fazendo muita diferença, principalmente na parte final da série. Tem que estar com a mente e o corpo fortes na fase final dos torneios e das séries, porque começamos a cansar, jogando todo dia praticamente.

Conheça uma das maiores salas de poker online do mundo! Abra sua conta no partypoker.

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.

Concordo com os termos de uso e privacidade do SuperPoker, que declara não repassar os dados a outras empresas.