COMPARTILHAR
O misterioso TexasLimitKing
O misterioso TexasLimitKing

Há mais de 10 anos, quando o poker online estava em seu auge, antes da Black Friday, um mistério foi criado na comunidade e até hoje não resolvido. Naquela época, o jogador “TexasLimitKing” aparecia, como o próprio nick diz, como o rei dos high stakes dos heads-ups de Limit Hold’em no Full Tilt Poker.

VEJA MAIS: PokerStars Team Online acaba “mostrando demais” em transmissão ao vivo no Twitch

“TLK”, como era referido nos fóruns online, destruía oponente após oponente, chegando a ter mais de US$ 1 milhão em jogo nas mesas, e tinha sua identidade desconhecida. No entanto, um dia, ele jogou uma mão contra “eastsideslim” nos limites $500/$1.000 que causou grande polêmica e persiste na memória da comunidade do poker online. Com o board mostrando Q26Q6, TLK pagou a aposta do adversário no river com 44, ganhando a mão com o 4 de kicker, pois o oponente tinha 33.

Confira a mão.

O call causou muita suspeita na comunidade, já que TLK estava ganhando apenas de 32 e 33, ou seja, tinha feito uma leitura quase impossível. Muitos começaram a falar sobre a possibilidade de ele ser um “superuser”, ou seja, um jogador que pode ver a carta dos outros adversários, ou então que tivesse hackeado seu oponente.

Para outros, a mão tinha sido apenas um misclick, já que TLK jogava várias telas de heads-up ao mesmo tempo, ou até mesmo um erro do jogador, não percebendo que o river havia dobrado o board novamente. No entanto, na época, TLK negou no chat que tivesse cometido um erro na mão, preferindo passar a situação como uma leitura de outro mundo, o que só aumentou as suspeitas.

Aqueles que defendem o misclick apresentam um forte argumento: se TLK pudesse mesmo ver a mão do adversário, teria dado raise no river e puxado o pote sem showdown, ao invés de dar um call que, obviamente, traria suspeitas. Além disso, pequenos erros são normais em sessões longas, principalmente de duelos mano a mano, que têm um ritmo acelerado.

VEJA MAIS: WSOP: Após sucesso relâmpago, Maria Konnikova exalta Erik Seidel e poker: “o mundo seria um lugar melhor”

Como se a situação não estivesse suspeita o suficiente, pouco tempo depois TLK simplesmente sumiu das mesas do Full Tilt, deixando para sempre no ar o mistério sobre o inacreditável call. Sua identidade, no entanto, já é conhecida há vários anos: “TexasLimitKing” era o jogador sueco Alex Dalaklis, que não se envolveu mais com poker. A história foi relembrada por Ari Engel no Twitter:

“Estava discutindo a história do poker online com um amigo… nós sabemos quem era ‘texaslimitking’? Foi determinado se a conta era legítima? 4-high call no river foi correto?”, ao que o finlandês Miikka Anttonen respondeu: “Ele era um jogador sueco chamado Alex Dalaklis. Ganhou uma montanha de dnheiro jogando Fixed Limit, mas eu não lembro o que aconteceu com ele, a mão do 4-high foi uma das primeiras que eu vi no poker online quando comecei.”

Entre uma teoria da conspiração e outra, parece que a comunidade do poker nunca saberá a realidade sobre o call de 4-high

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.

    Você concorda com os termos de uso do SuperPoker, que utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação e armazena os seus dados acima solicitados sem finalidade comercial apenas para comunicação direta com você e acesso aos serviços do SuperPoker. Você pode solicitar a remoção dos seus dados pessoais do SuperPoker a qualquer momento.