COMPARTILHAR
Heads-up entre Berlarmino Souza e Kristen Bicknell
Heads-up entre Berlarmino Souza e Kristen Bicknell

Na madrugada desta quinta-feira (30), os amantes do esporte da mente puderam acompanhar uma mesa final eletrizante com a presença do craque Belarmino Souza, que deu uma entrevista sobre a grande performance na WSOP Online. Iniciando com o maior stack da decisão, o jogador participou das principais ações, curiosamente, os grandes embates foram contra a adversária do heads-up Kristen Bicknell.

VEJA MAIS: SuperPoker transmitirá reta final do Evento #45 da WSOP Online nesta madrugada

Logo no início da decisão, o brasileiro se envolveu em um all in pré-flop contra a canadense. O catarinense se viu em desvantagem no momento do showdown, mas logo no flop encontrou seu out. O jogador só não contava com um river que splitou o pote:

Momentos depois, Belarmino mostrou grande leitura ao acertar um difícil call com com apenas o terceiro par da mesa. A jogada foi contra o adversário de Hong Kong Jerome Finck.

A mão foi nos blinds 40.000/80.000 e antes de 10.000, a mesa rodou em fold até o brasileiro, que deu mini raise com J6s e foi pago pelo big blind. As três primeiras cartas foram A7A, Belarmino c-betou 128.000, levando outro call do adversário.

VEJA MAIS: Belarmino Souza comenta fase incrível após nova trave na WSOP Online: “Imensa gratidão”

Com um 6 aparecendo no turn, a segunda carta de ouros, o brasileiro optou por ir de check e Finck apostou 213.642. O representante verde e amarelo pagou e um 4 completou o board.

Novamente, o brasileiro escolheu não apostar e o vilão colocou 354.646 fichas no centro da mesa. Belarmino ponderou por alguns segundos e mesmo possuindo apenas o terceiro par deu call, puxando valiosas fichas. Confira:

No 3-handed, o profissional passou pelo momento mais delicado da reta final, em que chegou a possuir o menor stack dos finalistas. Mas com uma ajudinha do baralho, o brasileiro conseguiu a dobra em cima de Bicknell:

Belarmino também mostrou que não se intimidou ao enfrentar a dona de dois braceletes no heads-up. Logo no início do duelo, o profissional tentou um blefe com apenas K-high. Kristen pensou por um longo período até dar o call.

A ação aconteceu nos blinds 80.000/160.000 e antes de 20.000, o brasileiro apenas completou e a adversária deu raise para 592.000 fichas. O jogador deu call e o flop foi T95, com duas cartas de espadas.

VEJA MAIS: Nick Guagenti crava Evento #29 da WSOP Online para conquistar primeiro bracelete e mais de US$ 300 mil

A jogadora c-betou 416.000 fichas, levou o call e um 7, a segunda de copas, apareceu no turn. Kristen optou por ir de check e viu o oponente apostar 1.382.000.

Após o call, um 3 completou o board e a canadense foi para mais um check. Com o pote tendo 4.820.000 fichas e a adversária tendo pouco mais de 4 milhões de fichas, Belarmino foi all in e colocou a experiente jogadora para pensar. Foram mais de três minutos analisando a jogada até encontrar o call. No final, era bom. Assista:

Clique aqui para abrir sua conta no GGPoker e buscar a joia mais cobiçada do poker na WSOP Online.

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.