COMPARTILHAR

Os jogadores do Brasil faturaram alto em diversos torneios do PokerStars nesta quinta-feira. No US$ 109 Mini Thursday Thrill foram 1.961 entradas e dois representantes do país no Top 5, com direito a título.

Ronan Ferrari (RonanAndreu) acabou campeão, faturando US$ 23.716 no total, enquanto Guilherme Cheveau (VinceVegaMFR) terminou na quinta posição, embolsando US$ 5.951.

Já no US$ 530 Bounty Builder High Roller, que contabilizou 499 participantes, Gilson Coelho (gilcoe) ficou em quarto lugar e engordou seu bankroll com uma forra de US$ 13.123.

Não foi só. No Bounty Builder US$ 162, com 263 inscritos, o heads-up foi verde e amarelo: Regis R69 venceu e recebeu US$ 9.673, deixando gringonov em segundo (US$ 4.438).

E teve mais brasuca se dando bem. No Big US$ 215, alemocelin96 bateu 206 adversários para garantir a medalha de ouro e US$ 8.096. Na mesma competição, VicFiorese chegou em terceiro (US$ 4.429).

Confira outros resultados abaixo:

– LA_CARNEIRO foi segundo de 519 no Hot US$ 109 (US$ 6.664);

– petersonmach foi primeiro de 2.349 no Hot US$ 22 (US$ 6.225);

– Staute foi segundo de 2.667 no Big US$ 22 (US$ 6.179);

– mathaaaa foi segundo de 1.140 no Big US$ 55 (US$ 6.116), com Fabiano Kovalski (Kovalski1) em terceiro (US$ 4.336);

– Felipe Salgado (mr.salgado30) foi 11º de 355 no US$ 1.050 Thursday Thrill (US$ 5.842);

– João Simão (IneedMassari) foi quarto de 68 no US$ 530 Omania High Roller (US$ 4.172);

– jhonnyubá foi primeiro de 6.313 no Bounty Builder US$ 11 (US$ 4.100);

– n00ki5 foi quarto de 241 no US$ 215 Triple Threat (US$ 3.722);

– Renato Valentim (bauruzito) foi quinto de 374 no Bounty Builder US$ 215 (US$ 3.401);

– DonBlattner foi segundo de 5.637 no US$ 5.50 Mini Daily Marathon (US$ 3.248);

– zanoto7 foi quinto de 363 no US$ 215 Thursday Thrill (US$ 3.188).

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.

Concordo com os termos de uso e privacidade do SuperPoker, que declara não repassar os dados a outras empresas.