COMPARTILHAR
Stephen Song campeão do Evento #28 da WSOP
Stephen Song campeão do Evento #28 da WSOP

Stephen Song não teve vida fácil, mas saiu do Evento #28 (US$ 1.000 NL Hold’em) da WSOP com o título do torneio. Junto com a vitória, o jogador conquistou o prêmio de US$ 341.854, o maior da trajetória no poker, e o primeiro bracelete na carreira.

Song iniciou o Dia Final praticamente com a metade das fichas em jogo. Pra quem imaginou que seria uma decisão fácil, o americano se deparou com o brasileiro Renato Kaneoya em um dia inspirado. No primeiro break do torneio, Song já havia perdido a liderança.

VEJA MAIS: Dario Sammartino lidera os classificados para o Dia Final do HORSE Championship da WSOP

A cobertura do SuperPoker na WSOP 2019 é um oferecimento do Bodog e conta com apoio do H2 Club e do BSOP.

A volta do intervalo não foi boa nada para o brasileiro, que rapidamente viu seu stack desaparecer. Kaneoya até chegou a dobrar, mas instantes depois foi eliminado na quarta colocação. Com a performance, o tupiniquim alcançou o melhor resultado live da carreira.

No início do 3-handed, Ryan Laplante, algoz do brasileiro, iniciou com uma pequena vantagem em fichas. Mas após se envolver em um grande pote contra Song, restou com apenas dez blinds. O americano até conseguiu retornar ao jogo com uma dobra, mas foi eliminado pelo chip leader minutos depois.

Iniciando o confronto final com 75% das fichas em jogo, Song precisou de apenas dez mãos para confirmar o título inédito. Scot Masters, adversário no heads-up, recebeu US$ 211.177 pelo vice-campeonato.

Confira a classificação do Dia Final:

1º – Stephen Song (Estados Unidos) – US$ 341.854

2º – Scot Masters (Estados Unidos) – US$ 211.177

3º – Ryan Laplante (Estados Unidos) – US$ 154.268

4º – Renato Kaneoya (Brasil) – US$ 113.712

5º – Sevak Mikaiel (Estados Unidos) – US$ 84.581

6º – Diminic Coombe (Austrália) – US$ 63.491

A cobertura do SuperPoker na WSOP 2019 é um oferecimento do Bodog e conta com apoio do H2 Club e do BSOP.