COMPARTILHAR
Letreiro placa WSOP 2018

A WSOP ofereceu, através da plataforma WSOP.com, uma oportunidade rápida para garantir vaga no Main Event por apenas US$ 80. A série anunciou quatro satélites no valor no formato “flips”. Nessa estrutura, todos os jogadores estão em all in automático todas as mãos até que alguém saia campeão.

Para facilitar ainda mais, os satélites não possuíam rake, mas tinham uma obrigação: 128 jogadores precisavam estar registrados. O problema foi que, ao invés de criar o torneio como um Sit and Go, ou seja, começando assim que o número de entradas fosse atingido, a organização definiu um horário de início.

VEJA MAIS: Jack Sinclair força fold improvável e ainda mostra o blefe na WSOP

A cobertura do SuperPoker na WSOP 2019 é um oferecimento do Bodog e conta com apoio do H2 Club e do BSOP.

Isso criou uma situação bizarra. Em um dos satélites, por exemplo, o número de inscritos no horário de início era de 126, a dois do necessário. No entanto, por não atingir o field, o torneio foi automaticamente cancelado pelo sistema.

“Imagino que a WSOP não pode bancar os US$ 160 em overlay”, ironizou Brian Hastings, um dos inscritos no torneio. Na sequência, o profissional ainda corrigiu sua conta. “Na verdade, 126 vezes 80 é US$ 10.080, então eles perderam US$ 80 pelo cancelamento”.

Devido ao vacilo, três dos quatro satélites programados para o dia foram cancelados pelo mesmo motivo. Apesar da boa intenção da organização em realizar um torneio sem rake e acessível, a execução acabou deixando a desejar. Lembrando que a WSOP.com é apenas acessível para jogadores nos estados de Nevada ou Nova Jérsei. Não é possível jogar do Brasil.

A cobertura do SuperPoker na WSOP 2019 é um oferecimento do Bodog e conta com apoio do H2 Club e do BSOP.

DÊ CALL NO SUPERPOKER!

Turbine seu jogo, receba conteúdos exclusivos,
análise de mãos, chamadas para aulas ao vivo e promoções gratuitas.