COMPARTILHAR
O AA foi quebrado pelo 72 em mesa final na WSOP
O AA foi quebrado pelo 72 em mesa final na WSOP

Ter seu AA quebrado, ainda mais em uma mesa final na WSOP, nunca é uma boa sensação. Imagine então ser superado por 72, a pior mão inicial do poker, após decidir dar slowplay com a mão inicial mais forte do jogo.

VEJA MAIS: Faz sentido? Homem joga o Ladies Event da WSOP “por uma boa causa”; opine

O roteiro aconteceu na mesa final do Evento #13 (US$ 3.000 Freezeout No Limit Hold’em) entre Brandon Caputo e Harvey Mathews. A ação rodou em fold até Caputo, no small blind com AA e 11 big blinds no stack, que optou apenas pelo limp.

Segurando 72s no big blind, Matthews deu check, e o flop trouxe T32, com uma carta de ouros. Caputo apostou 160.000, recebendo o call, e o turn foi um 8 de ouros, dando um flush draw a Matthews. Caputo apostou 300.000, deixando 1.300.000 para trás, e deu instacall ao ser colocado em all in.

VEJA MAIS: Phil Hellmuth pede desculpas por explosão na WSOP: “Fui longe demais”

Apesar de ter um overpair, Caputo tinha 70% de equidade, e viu o adversário acertar seus 30% com uma Q de ouros no river. Caputo teve que se contentar com o quinto lugar e o prêmio de US$ 87.288, enquanto Matthews terminou como grande campeão do torneio, levando US$ 371.914 e o bracelete.

Confira o último episódio do Pokercast: